Compressão de dados

Você já pensou na quantidade de dado que é gerada todos os dias? Se já faz essa reflexão, pensou onde e como ficam armazenados estes dados? Você já deve ter visto em algum lugar analises sobre quantos dados são/foram gerados em um determinado tempo. Mas quem liga se a nuvem tem espaço ilimitado, certo? ERROU, claro que na teoria temos armazenamento ilimitado, mas na prática isso é impossível. Porém o armazenamento não é o único ponto crucial para a necessidade de compressão de arquivos, mas também o transporte de todos estes dados, e essas necessidades fez a área se expandir. A ideia de escrever sobre isso veio em perceber a presença e importância da área junto com a pouca visibilidade recebida pelo tópico (mentira, veio após terminar a primeira temporada de Sillicon Valey, mas admitir isso iria soar meio infantil).

A compressão de dados pode ser feita de duas maneiras, direcionada ou bruta. Exemplos de compressão otimizadas são: arquivos de áudio onde são cortados sons que não diferenciamos, nas imagens, “arredondando” o que não enxergamos e em vídeos mantendo partes de frames que não se alteram. Claro que cada área tem sua compressão específica onde há todo uma demanda de estudo, e por isso não será o foco deste primeiro artigo. O ponto chave aqui será a codificação dos dados de forma bruta.

Boa parte do conteúdo esta nesta série de vídeos de autoria da Google. Portanto a maior parte das coisas será uma aprofundamento do que se vê nos vídeos da série (que por sinal estão recomendados).

Os artigos aqui no blog serão divididos em uma série de posts e linkados nessa páginas assim que prontos, ao mesmo tempo será publicado como um artigo de tamanho considerável no site Viva o Linux. A ideia inicial era de fazer a publicação apenas lá, mas como está mais demorado que o esperado, por que não ir soltando em partes?!

Parte 1 – Códigos de tamanho variável

O mais breve pessível irei postar as outras partes, aproveitem.

Abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s