Atom e comunidades abertas

Últimamente tenho usado e tentado ser ativo em muitas comunidades, como Quora, Stack Overflow-PT e GitHub. Acho surpreendente a força que comunidades abertas onde qualquer um pode ser ajudado e também ajudar, e um projeto que tem me encantado é a atom.

O atom é um editor de código, mas não um simples editor de código, ele é em editor do caralho. Até uns 6 meses atrás usava o Sublime Text, depois de testar o atom passei o adotar por alguns motivos: primeiro é grátis, segundo é open-source e treceiro fato de os atalhos serem quase que os mesmos de Sublime facilita a transição (isso deve ter sido estratégicamente pensado). O único ponto que o Sublime gerencia melhor é a memória e processamento pois o atom usa em média 500 MB já de partida. O atom roda em uma base feita a partir do Chromium, a versão open source do Chrome. Isso tudo pelo fato de sua visualização de páginas web ser feito em tempo real no editor, entre outros tipos de features.

O atom tem como o slogan A hackable editor for the 21st century, mas só de uma semana para cá estou entendendo o porque. Além dos atalhos, temas e packages dísponíveis uma coisa que me impressionou bastante é sua API para programação de novos packages (package é qualquer tipo de funcionalidade que não está inclusa nas features originais) para o próprio Atom. Tive uma ideia para feature baseado em uma funcionalidade que já existe no Netbeans e comecei o estudo para a implementação. A API é de usa simples bem feita, e muito bem documentada, a comunidade possui um fórum de discussão e apesar do pouco tempo de projeto ela já possui muitas pessoas que domínam o assunto.

O surpreendente é que eles não tiveram só o trabalho de fazer um editor bom com muitas funcionalidades, também projetaram muito bem toda a estrutura para que qualquer um consiga criar e costumizar funcionalidades para seu editor, para que ao longo de tempo ele se mantivesse atualizade por meio da comunidade. Além disso a comunidade se mostra pré-desposta a ajudar tanto iniciantes quanto usuários mais experientes. Aposto alto que por causa de tudo isso o editor vai ficar ativo por muito e muito tempo.

Esse texto só me fez pensar o seguinte, se o modelo de comunidade aberta é o modelo que predomina no mercado hoje (wikpédia, quora, stack-exchange, linux, airbnb, couchsurfing, etc) qual será o próximo?? Outra dúvida é até que ponto a econômia vai aceitar/aderir isso? Não faço nem ideia, mas creia que esses efeitos poderão ser vistos em um prazo médio de 10-20 anos.


Ver: Site do atom

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s