Por que QWERTY?

Pense por um segundo, por que você usa o teclado padrão QWERTY. A provável resposta é uma das seguintes “por que todos computadores tem esse padrão” ou ainda “por que foi assim que eu aprendi” ou ambas. Pode argumentar o que quiser, mas convém admitir que são péssimas respostas. Tão ilusória quanto o carro mais vendida da categoria (você já parou para pensar que só existe aquele modelo naquela categoria?). Uns 6 meses atrás estava pensando nisso, quando resolvi trocar o padrão de teclado, mudei para o DVORAK.  Você pode ler essa transição no link, mas resumindo a história, agora, após 6 meses que estou com a mesma velocidade que estava no QWERTY quando sai do mesmo. Mas então qual a vantagem? primeiramente que o padrão DVORAK é muito mais confortável para as mãos, só nisso já quase que vale a pena. Mas não é sobre isso que quero falar (escrever).

A questão é que até hoje conheci pessoalmente apenas outra pessoa que não usa-se o formato padrão e isso me espanta. Ele usava o padrão COLEMAK que eu não conhecia também e parece ser uma opção bem bacana. Claro que a transição é uma etapa as vezes demorada e talvez até muito chata no começo, pois qual o sentido de passar 2, 3 ou 10 meses digitando mais lento que o seu normal? Pense nisso como um investimento a longo prazo, é claro que você não vai trocar um hábito que você teve por 30 ou 40 anos de maneira instantânea, isso é praticamente impossível (O poder do hábito) mas com um pouco de persistência qualquer um consegue. Veja além do que irá acontecer no curto prazo, como a movimentação dos dedos é bem menor a chance de ter uma lesão por esforço repetitivo ou de outro tipo é bem menor do que no padrão QWERTY. E depois de um certo tempo (treinando é claro) pode aumentar sua velocidade de 50 % até 100 %. Outro ponto é que tirando essa analise do tech mundo em que o teste foi feito durante os dois dias (e por causa disso levou a conclusões muito engraçadas), não lí nenhum artigo onde o autor persistiu por médio/longo prazo na mudança e não tenha valido à pena.

O problema talvez nem seja o teclado (é apenas o layout). Talvez o maior problema de ser assim é o fato de simplesmente aceitarmos o que nos é imposto, sem pensarmos por que estamos fazendo ou usando aquilo. Quando a resposta para alguma pergunta do tipo “por que está fazendo isso de determinada maneira” for “porque foi assim que eu aprendi” ou pior “por que é assim que todos fazem” você tem que realmente parar pra pensar sobre o assunto.

Acho que era isso, fica a reflexão.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s